O Que São Alimentos Funcionais?

Saiba mais sobre os alimentos funcionais e sua importância na saúde

Artigo publicado por Aline Couto nas categorias: Produtos

Alimentos funcionais são alimentos dados uma função adicional, algumas das vezes uma relacionada à promoção da saúde ou prevenção de doenças, adicionando novos ingredientes ou mais dos ingredientes existentes. Esse termo também pode aplicar-se a traços criados propositadamente em plantas comestíveis existentes, tais como batatas roxas ou douradas com teor de antocianina ou carotenóides enriquecidos, respectivamente. Os alimentos funcionais podem ser concebidos para terem benefícios fisiológicos e/ou reduzir o risco de doenças crônicas para além das funções nutricionais básicas e podem ser semelhantes em aparência aos alimentos convencionais e consumidos como parte de uma dieta regular.

Indústria dos Alimentos Funcionais

A indústria de alimentos funcionais, que consiste em alimentos, bebidas e setores de suplemento, é uma das diversas áreas da indústria de alimentos que está experimentando um crescimento rápido nos últimos anos. Estimava-se que o mercado global da indústria de alimentos funcionais atingiria 176,7 bilhões em 2013, com uma taxa composta de crescimento anual (CAGR) de 7,4%.

Especificamente, o setor de alimentos funcionais experimentará CAGR de 6,9%, o setor de suplementos aumentará 3,8% e o setor de bebidas funcionais será o segmento de crescimento mais rápido com 10,8% de CAGR. [5] Este tipo de crescimento é alimentado não só pela inovação industrial e o desenvolvimento de novos produtos que satisfaçam a demanda de consumidores conscientes da saúde, mas também por alegações de saúde cobrindo uma ampla gama de questões de saúde.

Alimentos Funcionais Funcionam?

No entanto, o ceticismo dos consumidores persiste principalmente porque os benefícios associados ao consumo dos produtos podem ser difíceis de serem detectados. Exame rigoroso de algumas das reivindicações alimentares funcionais pode desencorajar algumas empresas de lançar seus produtos, porque levam em consideração os possíveis retornos financeiros, por isso é importante conhecer o maior número possível de alimentos funcionais naturais sem que tenhamos de depender dos lançamentos desses novos produtos alimentares funcionais industrializados, que também promovem os mesmos benefícios para a saúde.

Alimentos Funcionais Industrializados

Não há problema em consumir alimentos funcionais industrializados, porém não devemos fazer nossa saúde esperar eternamente os interesses comerciais dos fabricantes. Bebidas funcionais, por exemplo, tornaram-se populares entre as pessoas que querem benefícios específicos para a saúde. Tanto a conveniência como a saúde foram identificadas como fatores importantes na tomada de decisões dos consumidores sobre compras de alimentos e bebidas. Bebidas funcionais são anunciadas como tendo vários benefícios de saúde. Por exemplo, alguns afirmam para melhorar a saúde do coração, a imunidade, digestão, enquanto outros se promovem como saciante da fome e de aumento de energia. Um exemplo de bebidas que melhoram a digestão são aqueles iogurtes que ativam o sistema digestivo.

Alimentos Funcionais, Quais São?

Outros exemplos da alimentos funcionais, uma lista exemplificativa para que você veja que tanto podem ser alimentos naturais ou industriais:

  • Vinagre de maçã: um vinagre de fruta considerado um alimento de saúde;
    Brotos de brócolis.
    Determinados produtos cerealíferos:
    Flocos de milho, alimento patenteado inventado em 1894, os famosos “cornflakes”;
    Biscoitos digestivos, contendo fibra e, por vezes bicarbonato de sódio;
    “Biscoito de Graham”, biscoito feito com farinha de grão integral;
    Pães integrais;
    Granola, um alimento feito de grãos misturados, brindados;
    Grape-Nuts, um cereal americano que aos poucos podemos encontrar em algumas lojas do ramo do bem estar.
Aline Couto

Autora

Aline Couto já testou um pouco de todas as dietas e está sempre ligada nas últimas pesquisas e novos lançamentos na área de emagrecimento.



Comente!




*Campos obrigatórios